segunda-feira, novembro 17, 2003

** Bofe Mode Turned ON **

Vou colocar o poblema aqui ("pobrema" é quando é financeiro, alguém me contou), para ver se assim eu gasto mais um pouco de energia com o tema e diminuo a chance de ficar quebrando o pau na próxima vez que jogar bola, ou mesmo assistir futebol em boteco. Sim, eu interajo com os outros pinguços.

Imaginemos: o cidadão vem conduzindo a bola (e dá-lhe chavão), entra na área, quando nota que o zagueiro do outro time vem babando em sua direção, com "sangue nos óio", em velocidade que torna improvável a ausência de colisão, ou mesmo uma colisão moderada. O psicopata ainda se joga, e no carrinho mostra as travas brilhantes que crescem rapidamente em sua direção.

Neste momento, para não se tornar objeto de estudo para o congresso de ortopedia, o jogador que conduzia a bola se joga para o lado, para a frente, para cima, para onde for possível, deixando a bola seguir sozinha pela linha de fundo. E o juiz marca... tiro de meta! Eis que a bebaiada começa a xingar o jogador que vinha com a bola, gritando "não pegou", "não encostou"...

O jogador teve que desistir da jogada para não ganhar um joelho novo na mesma perna que já conta com um. Se ele não tivesse sido ágil o suficiente, talvez passasse os próximos meses sem poder jogar sequer futebol de botão, e os loucos acham que isso não é falta...

Nessas horas dá vontade de dar um tiro no juiz e outro no zagueiro deslizante. Mas acho que isso seria falta.

****

São Paulo x The Strongest. 10 minutos de jogo, o São Paulo já ganha por 1 a 0, e domina o jogo completamente (jogo que ganharia por 3 a 1, fácil). Bastou que 3 ou 4 passes fossem errados, para a torcida começar a gritar o nome do Luís Fabiano.

Puta falta de respeito com quem está ali jogando, e bem. E daqui a pouco, quando o Luís Fabiano estiver de volta, bastará que ele passe umas 3 partidas sem marcar para que a torcida comece a xingá-lo também.

E assim perdem-se Franças, Kakás, Ricardinhos, entre outros. Triste, triste...

** Bofe Mode Turned OFF **

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home